terça-feira, 6 de novembro de 2012

Estudo Dirigido - FUNDAMENTOS

01)- O que são sinais vitais?
R: São aqueles que evidenciam as alterações da função corporal e geralmente se retratam na temperatura corporal, no pulso, no nível respiratório e na pressão sanguínea.

02)- São denominados sintomas que podemos ver, ouvir, sentir e cheirar:
(a) Sintomas Subjetivos
(b) Sintomas Objetivos
(c) Temperatura
(d) Alterações corporais

03)- Explique porque a temperatura está relacionada a atividade metabólica?
R: Pois frequentemente nos processos infecciosos ocorre a elevação da temperatura.

04)- Quais são os fatores que interferem no aumento da temperatura?
R: Exercícios, emoções, uso de agasalhos.

05)- Quais são os materiais necessários para aferir a temperatura?
R: Bandeja contendo: termômetro, bolas de algodão, álcool 70%, relógio, bloco de papel, caneta e papel toalha.

06)- O que é pulso?
R: É a ondulação exercida pela expansão e relaxamento das artérias resultantes dos batimentos cardíacos.

07)- Quais são as artérias mais comuns para se verificar o pulso?
R: radial, temporal, carótida, femural, pediosa.

08)- Escreva a frequência ou o número de pulsação:
R: Homem - 60 a 70 bpm
mulher - 65 a 80 bpm
criança - 120 a 125 bpm

09)- Quanto a regularidade e ritmo, como pode ser o pulso?
R:Ritmico - normal, bate com regularidade
Arrítmico - anormal, batimento irregular

10) - Como se verifica o pulso apcal?
R: Verifica-se no ápice do coração e altura do 5º espaço intercostal com auxílio do estetoscópio. Importantes para pacientes cardíacos e digitalizado.

11)- Quais são as terminologias da respiração?
R: Eupnéia - normal
apnéia - parada respiratória
dispnéia - dificuldade respiratória
bradpnéia - frequência respiratória abaixo do normal
taquipnéia - frequência respiratória acima do normal
ortopnéia - respiração facilitada na posição vertical
Respiração de Cheyne Stokes - respiração profunda seguida de decréscimo dessa profundidade, e logo após, um período de apnéia.

12)- Em que consiste a respiração?
R: É a troca de gases entre o organismo e o meio exterior, consiste na abserção de oxigênio e eliminação de gás carbônico.

13)- Em uma situação de emergência, qual é o pulso a ser verificado?
R: verifica-se o pulso carotídeo

14)- Quando é realizado a frequência respiratória?
R: Em seguida ao controle do pulso, para evitar que o paciente erceba que está sendo feita a cntagem e exerça controle voluntário.

15)- O que é pressão arterial?
R: É a pressão que o sangue exerce nas paredes das artérias

16)- Escreva as terminologias para P.A:
ótima - 120X80
normal - 130X85
normal alta - 130/139X85/89

17)- Explique a técnica para aferir a pressão arterial
- lavar as mãos
- reunir o material
- explicar o procedimento ao paciente e posicioná-lo confortavelmente de modo que o esfignomanômetro fique  na mesma altura do coração.
- fazer desinfecção das olivas e do diafragma do estetoscópio.
- posicionar o manguito 4cm acima da articulação, com a bolsa de borracha na altura da extensão de saída, sobre a artéria a ser utilizada.
- apalpar a artéria a ser utilizada e posicionar o diafragma do estetoscópio sobre a mesma colocando as olivas do estetoscópio nos ouvidos.
- fechar a válvula da pera de borracha, insuflando o manguito, até que o ponteiro atinja 200mml ou mais.
- abrir a válvula lentamente, registrar o primeiro som de batimento como pressão sistólica e o último som abafado como diastólica.
- deixar que o restante do ar escape rapidamente
- remover o manguito, deixar o paciente confortável
- limpar o equipamento e guardá-lo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário